UXDE dot Net Wordpress Themes

TIDAL- o serviço de streaming gourmet

Por em

Acaba de chegar a Portugal o TIDAL, o novo serviço que disponibiliza música remotamente, ou streaming que chega a cantar de galo (o Galo de Barcelos é uma das figuras da campanha de promoção do serviço no nosso país). Promete fazer séria concorrência ao Spotify, que era até agora o rei do streaming, mas com um upgrade importante: a música disponibilizada pelo TIDAL tem qualidade de CD.

Segundo O Observador, o TIDAL foi lançado em outubro do ano passado nos Estados Unidos da América e no Reino Unido, tem apenas 17 mil subscritores mas vai alargar a oferta a 22 países durante este primeiro trimestre, enquanto o Spotify é já utilizado por 60 milhões de pessoas.

Vale a pena cancelar já a subscrição do Spotify e mudar para o TIDAL? Depende do objetivo e do valor que estiver disposto a dar por um serviço deste género. O TIDAL dispõe de um serviço único de subscrição por 13,99€/mês que permite ouvir sem restrições 25 milhões de temas com qualidade de CD. Já o Spotify oferece um serviço premium por 6,99€/mês, mas pode ser utilizado gratuitamente, desde que o utilizador se disponha a ouvir publicidade.

Porque é que o TIDAL é mais caro que o Spotify? Porque aposta na qualidade do som, em ficheiros em formato lossless, sem a compressão que é feita nos MP3 ou AAC. É este o seu grande trunfo e argumento, como pode ler-se na Forbes ou no The Telegraph. Nos emails de promoção do serviço, o TIDAL faz questão de informar que devolve 75 por cento das suas receitas aos artistas através das editoras ou organizações que detêm os direitos de autor. “Ao investir no TIDAL está a investir no futuro da música”, argumenta a marca.

Assim, este é claramente um serviço orientado para um público que quer ouvir música com grande qualidade de som. Se os seus hábitos musicais passam pelo smartphone nas viagens entre casa e o trabalho, com ruído à volta, investir no TIDAL não compensa. E por este anúncio, parece-nos também um serviço orientado para um público masculino e sofisticado.

O TIDAL pode ser usado através do browser Chrome (e apenas este, para já) ou através de aplicações para Windows, Mac, Android e iOS. Pode ainda ser integrado diretamente em alguns sistemas de alta-fidelidade, tais como McIntosh, Meridian e Auralic (entre outros, num total de 37).

O TIDAL está disponível para subscrição em http://tidalhifi.com/pt.

©Susana VianaSenior Communication Consultant

Related Posts

About the Author

avatar

A Guess What é atualmente uma das mais inovadoras e criativas agências de comunicação e ativação mediática presente no mercado português. Disponibilizamos soluções holísticas de Relações Públicas, Assessoria de Imprensa, Gestão da Reputação, Eventos, Digital Engagement e Buzz Marketing.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>